Whatsapp e facebook podem causar demissÃo?

 

categoria : trabalhista, demissão em 20 maio de 2015 por Milena

Que a tecnologia tem facilitado muito a nossa vida, ninguém tem dúvida. com ela podemos fazer várias coisas ao mesmo tempo.

Talvez seja justamente esse o problema. É tanta informação, tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, que dificilmente conseguimos nos concentrar e fazer bem feito qualquer uma das coisas. Principalmente se for uma coisa pouco interessante, como é o trabalho.

Primeiro era o Orkut, depois o Facebook, depois vieram outras redes sociais, os smartfones, vários aplicativos legais, o Whatsapp... quem é que resiste a dar aquela espiadinha no meio do trabalho?

A espiadinha pode desviar a sua atenção daquilo que o empregador te paga para fazer. Isso configura uma conduta chamada desídia.

Desídia é o descumprimento pelo empregado de suas obrigações no horário em que deveria estar desempenhando sua função. São considerados desídia a pouca produção, os atrasos frequentes, as faltas injustificadas ao serviço, a produção imperfeita e outros fatos que prejudicam a empresa e demonstram o desinteresse do empregado pelas suas funções.

A desídia é considerada uma falta grave. E como toda falta grave, pode levar a demissão por justa causa.

Demissão por justa causa é aquela em que o empregado comete alguma falta grave. O empregado dispensado por justa causa perde o direito ao Aviso Prévio, às férias proporcionais, ao décimo terceiro salário, de sacar o FGTS e de receber o Seguro Desemprego.

Então fique atento. Não esqueça: "Primeiro a obrigação, depois a diversão".

top